Warning: include(includes/creativeimageslider_widget.php) [function.include]: failed to open stream: No such file or directory in /home/lambz/public_html/macasdeouro.com/wp-content/plugins/creative-image-slider/creativeimageslider.php on line 45

Warning: include(includes/creativeimageslider_widget.php) [function.include]: failed to open stream: No such file or directory in /home/lambz/public_html/macasdeouro.com/wp-content/plugins/creative-image-slider/creativeimageslider.php on line 45

Warning: include() [function.include]: Failed opening 'includes/creativeimageslider_widget.php' for inclusion (include_path='.:/usr/lib/php:/usr/local/lib/php') in /home/lambz/public_html/macasdeouro.com/wp-content/plugins/creative-image-slider/creativeimageslider.php on line 45
CRISTÃO LIGHT CRENTE DESNATADO – capítulo I | Maçãs de Ouro

CRISTÃO LIGHT CRENTE DESNATADO – capítulo I

A NUVEM

Números 9 17  Mas sempre que a nuvem se alçava de sobre a tenda, os filhos de Israel partiam; e no lugar em que a nuvem parava, ali os filhos de Israel se acampavam.

Ex:13:21-22 E o Senhor ia adiante deles, de dia numa coluna e os dois para os guiar pelo caminho, e de noite numa coluna de fogo para os alumiar, a fim de que caminhassem de dia e de noite.Não desaparecia de diante do povo a coluna de nuvem de dia, nem a coluna de fogo de noite.

 

Uma nuvem se estende por todo o céu durante o dia para proteger um exército do sol causticante e encobri-lo de olhos inoportunos, durante à noite uma coluna de fogo se posta em sua retaguarda para alumiar e proteger o acampamento!

Onde e quando aconteceu algo tão incomum para um exército, em todos os tempos neste universo? Só encontramos tal relato na Bíblia com um povo chamado e escolhido por Deus e liderado por um homem de Deus cognominado Moisés, isso quando um perverso perseguidor estava em seu encalço num grande deserto, onde não tinha para onde escapar, não só porque não existia onde se esconder, mas porque a multidão era enorme, cerca de 3 milhões de pessoas, entre adultos e crianças e mais suas bagagens e animais.Dá para imaginar esconder um volume tão grande assim dos olhos de um inimigo? Mas Deus é o dono do universo, em Lc 1:37 lemos:  porque para Deus nada será impossível, e em Mt 19:26   Jesus, fixando neles o olhar,  respondeu:  Aos homens é isso impossível, mas a Deus tudo é possível.

 

Pensando neste assunto e trazendo para a nossa vida pessoal, podemos analisar da seguinte forma:

 

A NUVEM DO SENHOR E O FOGO DO SENHOR ESTÃO SOBRE NÓS?

 

Então vejamos:

a-    nuvem = cobertura. Quando o Senhor está sobre nós, estamos cobertos pela sua graça e misericórdia, o seu amor nos envolve e sentimos Sua proteção. Podemos comparar com a proteção que a nuvem dava para o povo de Israel no deserto, contra o calor escaldante por cima e contra os ataques do inimigo, pois a nuvem os ocultava de seus olhares. Na Era da Graça, quem nos dá a cobertura contra todos os ataques do inimigo, quer sejam opressões, lutas espirituais e materiais, confrontos sociais e conjugais e outras formas de nos desestabilizar, é o Senhor Jesus, através  do Seu precioso Sangue derramado na Cruz do Calvário.

b-    fogo = poder. Para o povo que caminhava por aquele deserto rumo à Terra Prometida, necessitava de algo que os guardasse na escuridão da noite, pois Deus providenciou, como nunca esquece dos mínimos detalhes, a coluna de fogo, que além de alumiar, também impunha terror aos seus inimigos. Nós como seguidores do Senhor Jesus Cristo temos uma coluna de fogo, que é o Espírito Santo e nos dá poder e unção, fortalecendo a nossa vida na luta contra os espíritos malignos e as astutas ciladas de satanás.

 

2 – QUANDO A NUVEM E O FOGO SOBEM ESTÁ NA HORA DE CAMINHAR

É interessante que nós temos muito desejo de receber novas experiências em nossa vida espiritual o que é ótimo, pois isso demonstra que queremos muito mais de Deus, todos nós, cristãos, deveríamos ter implícito este desejo, se tal coisa não acontece em nossa vida, algo está errado, porque não temos nenhuma possibilidade de andar pelo “vale da sombra da morte” sem o poder do Espírito Santo.

Mas, é interessante também, que ao recebermos o Batismo no Espírito Santo, achamos tão gostoso, maravilhoso, inebriante, o que é obvio, mas esquecemos do restante, quando em Atos 1:8 diz: Mas recebereis poder, ao descer sobre vós o  Espírito Santo, e ser-me-eis testemunhas, tanto em Jerusalém, como em toda a Judéia e Samaria, e até os confins da terra. Ao acalmar das emoções, não podemos ficar parados, aguardando que a nossa vida a partir daí deve se apenas desses sublimes sentimentos e ondas de bênçãos só para o meu bel prazer. A nuvem e o fogo se ergueram, se levantaram, está na hora de agir. Assim o povo fazia segundo a ordem de Jeová.  Mas sempre que a nuvem se alçava de sobre a tenda, os filhos de Israel partiam; e no lugar em que a nuvem parava, ali os filhos de Israel se acampavam. Entremeados com a bênçãos estão os momentos de trabalho para o Senhor, de testemunhar de Cristo, de levar a Palavra aos perdidos, enfim, estar a serviço do Reino. Não podemos ficar apenas de olhos para o derramar do Espírito, pois se o nosso cálice não transbordar e alcançar o povo ao nosso redor, qual o objetivo de recebermos o Poder do Espírito Santo? Com certeza, não servirá para coleção e quem ficar com o talento guardado terá de enfrentar dura resposta no dia do acerto de contas com o Senhor.

 

3 – OBEDECER AO SENHOR NÃO TEM HORA

Em Nm 9:18-23 lemos: 18  A ordem do Senhor os filhos de Israel partiam, e à ordem  do Senhor se acampavam; por todos os dias em que a nuvem parava sobre  o tabernáculo eles ficavam acampados.

19  E,  quando  a nuvem se detinha sobre  o  tabernáculo  muitos dias,  os  filhos  de  Israel cumpriam o mandado  do  Senhor,  e  não partiam. 20  Às  vezes  a nuvem ficava poucos dias sobre  o  tabernáculo; então  à ordem do Senhor permaneciam acampados, e à ordem  do  Senhor partiam.

21  Outras vezes ficava a nuvem desde a tarde até pela manhã;  e quando  pela manhã a nuvem se alçava, eles partiam; ou de dia  ou  de noite, alçando-se a nuvem, partiam. 22  Quer  fosse  por dois dias, quer por um mês, quer  por  mais tempo,  que a nuvem se detinha sobre o tabernáculo,  enquanto  ficava sobre  ele os filhos de Israel permaneciam acampados, e não  partiam; mas, alçando-se ela, eles partiam. 23  à ordem do Senhor se acampavam, e à ordem do Senhor partiam; cumpriam  o  mandado do Senhor, que ele lhes dera por  intermédio  de Moisés.

a – por poucas horas, pode sugerir por pequenos trabalhos na igreja local, algumas tarefas de evangelismo no trabalho, ou no bairro, ou na cidade, em impactos evangelísticos mesmo em outras cidades, campanhas, congressos e talvez até missões de curta ou média duração, quem sabe até no exterior.

b – por muitos dias, nos dá idéia de trabalhar na obra do Senhor por tempo ilimitado, de tempo integral, ou mesmo de voluntariado, mas continuamente, ordenadamente, sem perspectiva de parar tão cedo.

Mas em todos os casos, o tabernáculo deveria ser desmanchado, talvez tenhamos que desmanchar nossos projetos, algumas vezes até os de muitos anos.

Cada um deve saber o que deve ser importante em sua vida para ser entregue para Deus e em alguns casos, deve ser totalmente desmanchado, para ali adiante, levantar um novo tabernáculo, para melhor cultuar o seu Deus, melhor servir ao Senhor da obra.

 

Em todo esse processo, o importante é estarmos sempre disponíveis ao Senhor. É isso que Ele quer, é isso que precisamos fazer.