Warning: include(includes/creativeimageslider_widget.php) [function.include]: failed to open stream: No such file or directory in /home/lambz/public_html/macasdeouro.com/wp-content/plugins/creative-image-slider/creativeimageslider.php on line 45

Warning: include(includes/creativeimageslider_widget.php) [function.include]: failed to open stream: No such file or directory in /home/lambz/public_html/macasdeouro.com/wp-content/plugins/creative-image-slider/creativeimageslider.php on line 45

Warning: include() [function.include]: Failed opening 'includes/creativeimageslider_widget.php' for inclusion (include_path='.:/usr/lib/php:/usr/local/lib/php') in /home/lambz/public_html/macasdeouro.com/wp-content/plugins/creative-image-slider/creativeimageslider.php on line 45
A DOENÇA DO NOSSO SÉCULO – capítulo VI | Maçãs de Ouro

A DOENÇA DO NOSSO SÉCULO – capítulo VI

O SOCORRISTA
ROM. 12:1 a 3 “Rogo-vos pois, irmãos, pela compaixão de Deus, que apresenteis os
vossos corpos em sacrifício vivo, sano e agradável a Deus, que é o vosso culto racional. E não
vos conformeis com este mundo, mas transformai-vos pela renovação do vosso entendimento,
para que experimenteis qual seja a boa , agradável, perfeita vontade de Deus. Porque pela
graça, que me é dada, digo a cada um dentre vós que não saiba mais do que convém saber,
mas que saiba com temperança, conforme a medida da fé que Deus repartiu a cada um.”
Socorrista é aquela pessoa que se coloca à disposição da sociedade para
socorrer ou auxiliar outras pessoas, na maioria das vezes em situações
extremas.
Todos sabem muito bem o que é ser um “salva vidas” ou “bombeiro’ para
“segurar as pontas” ou “apagar o fogo” da vida doméstica, principalmente no
dia a dia da vida real, quando tudo precisa ser controlado com muito cuidado,
segurando o orçamento doméstico de um lado, os estudos de outro, enquanto
fica atento na criação dos filhos, no relacionamento com os parentes e amigos,
redobrando suas atenções, agora, com as novas leis aprovadas pela sociedade
no que se refere à união entre pessoas do mesmo sexo e a implantação das
regras contra a homofobia, os equivocados “ensinos” preconizados pelo MEC,
cujos conteúdos inferem contra os nossos conceitos e na maioria das vezes
afrontam os preceitos bíblicos,
Precisamos saber colocar a nossa fé, a nossa crença em Deus e ter sabedoria,
não só para não criar animosidade, porém, na direção do Espírito Santo,
socorrer e conquistar pessoas para o Senhor Jesus.
A tarefa nos parece muito complicada e impossível, entretanto, a Palavra
afirma em Gênesis 18:14 “Haveria cousa alguma difícil ao Senhor?”, e outra vez, em
Marcos 10:27 “Jesus, porém, olhando para eles, disse: Para os homens é impossível, mas
não para Deus, porque para Deus todas as coisas são possíveis.”
Vejamos: Se me reconheço como verdadeiro cristão sem falsidades, creio que:
(1) Fui criado por Deus, Gênesis 1:27 “E criou Deus o homem à sua imagem; à imagem
de Deus o criou; macho e fêmea os criou”.
(2) Que desobedeci a Deus, cometendo pecado, Romanos 5:19 “Porque, como
pela desobediência de um só homem, muitos foram feitos pecadores, assim pela obediência de
um muitos serão feitos justos.”
(3) Me arrependi dos pecados, Atos 8:22 “Arrepende-te pois desses teus pecados, e
ora a Deus, para que porventura te seja perdoado o pensamento do teu coração.”
(4) Confessei Jesus como seu Salvador pessoal, Romanos 10:9 “A saber: Se com
a tua boca confessares ao Senhor Jesus, e em teu coração creres que Deus o ressuscitou dos
mortos, serás salvo.”
(5) Vivo como seu seguidor e discípulo, João 15:7 “Se vós estiverdes em mim, e as
minhas palavras estiverem em vós, pedireis tudo o que quiserdes e vos será feito. Nisto é
glorificado meu Pai, que deis muito fruto; e assim sereis meus discípulos.”
Então, sem “conformar com este mundo”, devo deixar de viver com atitudes
mundanas, praticando atos promíscuos, em qualquer área da minha vida, quer
seja, em meus negócios, comerciais ou financeiros, ou ainda em meus
relacionamentos familiares ou com parentes e amigos e principalmente
compactuando com qualquer relação íntima e sexual fora dos padrões
preceituados na Palavra, Romanos 1:22-32 “Dizendo-se sábios, tornaram-se loucos. E
mudaram a glória do Deus incorruptível em semelhança da imagem de homem corruptível, e
de aves, e de quadrúpedes, e de répteis. Pelo que também Deus os entregou à
concupiscências de seus corações, à imundícia, para desonrarem seus corpos entre si; Pois
mudaram a verdade de Deus em mentira, e honraram e serviram mais a criatura do que o
Criador, que é bendito eternamente. Amém. Pelo que Deus os abandonou às paixões infames.
Porque até as suas mulheres mudaram o uso natural, no contrário à natureza. E,
semelhantemente, também os homens, deixando o uso natural da mulher, se inflamaram em
sua sensualidade uns para com os outros, homem com homem, cometendo torpeza e
recebendo em si mesmos a recompensa que convinha ao seu erro, E, como eles se não
importaram de ter conhecimento de Deus, assim Deus os entregou a um sentimento perverso,
para fazerem coisas que não convêm; estando cheios de toda a iniqüidade, prostituição,
malícia, avareza, maldade; cheios de inveja, homicídio, contenda, engano, malignidade; Sendo
murmuradores de Deus, injuriadores, soberbos, presunçosos, inventores de males,
desobedientes aos pais e às mães; Néscios, infiéis nos contratos, sem afeição natural,
irreconciliáveis, sem misericórdia; Os quais conhecendo a justiça de Deus (que são dignos de
morte os que tais coisas praticam), não somente as fazem, mas também consentem aos que
as fazem.”
Ai entra o termo “socorrista”.
Na nossa vida cristã, em momento algum podemos pensar em ficar “em cima
do muro” ou “ser morno”, pois Apocalipse 3:15-16 declara, “Eu sei as tuas obras,
que nem és frio nem quente: oxalá foras fio ou quente! Assim, porque é morno, e não és frio
nem quente, vomitar-te-ei da minha boca.”. Jamais podemos negar a alguém um
auxilio.
Em nossa ação de resgate de almas para o Reino de Deus, necessitamos
utilizar algumas armas importantes:
1 – Coragem. Efésios 6. 13 a 20 “Portanto tomai toda a armadura de Deus, para que
possais resistir no dia mau e, havendo feito tudo, permanecer firmes. Estai, pois, firmes, tendo
cingidos os vossos lombos com a verdade, e vestida a couraça da justiça, e calçando os pés
com a preparação do evangelho da paz, tomando, sobretudo, o escudo da fé, com o qual
podereis apagar todos os dardos inflamados do Maligno. Tomai também o capacete da
salvação, e a espada do Espírito, que é a palavra de Deus; com toda a oração e súplica
orando em todo tempo no Espírito e, para o mesmo fim, vigiando com toda a perseverança
e súplica, por todos os santos, e por mim, para que me seja dada a palavra, no abrir da
minha boca, para, com intrepidez, fazer conhecido o mistério do evangelho, pelo qual sou
embaixador em cadeias, para que nele eu tenha coragem para falar como devo falar.
A coragem é uma energia que surge diante do perigo. Quantas vezes
assistimos pessoas, que diante de um caos, mesmo sem qualquer raciocínio,
se lança para um ato de bravura e tem salvado vidas, da mesma forma,
quantos também já perderam suas vidas e as de outrem.
Como cristãos, “apresentar o corpo como sacrifício vivo, santo e agradável a
Deus”, requer coragem e destemor, porém, longe de ser um ato repentino, ou
irracional. Para se lançar nas turbulências desta vida com objetivo de “resgatar”
almas perdidas, a Palavra de Deus traz uma séria recomendação que muitas
vezes não nos importamos em seguir. Desobediência às leis humanas e
mesmo a simples inobservância das regras, ocasiona sérios e graves
transtornos, que levam inclusive à perda de liberdade, ou seja, lhes são
subtraídas todas as regalias de um cidadão normal e comum.
Ao enfrentarmos o mundo espiritual, não basta impetuosidade e arrojo, as
regras estão claras em relação ao preparo. Como um bom soldado preparado
para a guerra, Paulo , no texto acima, alista uma série de “apetrechos” a tomar
para não ser surpreendido em qualquer falha.
2 – Transformação. Tito 3. 3 a 6 “Porque também nós éramos outrora insensatos,
desobedientes, extraviados, servindo a várias paixões e deleites, vivendo em malícia e
inveja odiosos e odiando-nos uns aos outros. Mas quando apareceu a bondade de Deus,
nosso Salvador e o seu amor para com os homens, não em virtude de obras de justiça que
nós houvéssemos feito, mas segundo a sua misericórdia, nos salvou mediante o lavar da
regeneração e renovação pelo Espírito Santo, que ele derramou abundantemente sobre nós
por Jesus Cristo, nosso Salvador;
Claro está, que todas as atitudes que tomamos, está intrinsecamente ligada à
nossa mente. Se for o nosso desejo, entrar com coragem na busca de almas
para resgatá-las da perdição para o reino de Deus, devemos ter nossa mente
transformada e renovada pela vontade de Deus.
Somente quem passou por uma regeneração e renovação pelo Espírito Santo
pode desejar algo melhor para o seu próximo. Não é possível, que alguém que
viva em promiscuidade, deseje uma vida limpa a outrem.
Todo desejo que transpiramos está em conformidade com o fluir da nossa
mente. Mente controlada pelo Espírito Santo é a mente coerente com o desejo
de Deus. Transformação e regeneração é o querer do Senhor.
3 – Sabedoria Colossenses 4:5 “Andai com sabedoria para com os que estão de fora,
remindo o tempo. A vossa palavra seja sempre agradável, temperada com sal, para que
saibais como vos convém responder a cada um.”
Isto, é sempre necessário, ao dialogarmos com os defensores de idéias
conflitantes com os ensinos bíblicos, pois as atitudes da atual geração já fora
revelada por Paulo em II Timóteo 4:3-4 “Porque virá tempo em que não sofrerão a sã
doutrina; mas, tendo comichão nos ouvidos, amontoarão para si doutores conforme as suas
próprias concupiscências; E desviarão os ouvidos da verdade, voltando às fábulas.”
Seus princípios serão sempre de levar os filhos de Deus ao conflito e
consequente desvio de sua fé, Judas 4 “Porque se introduziram alguns, que já antes
estavam escritos para este mesmo juízo, homens ímpios, que convertem em dissolução a
graça de Deus, e negam a Deus único dominador e Senhor nosso, Jesus Cristo.” … 10-13
“Estes porém dizem mal do que não sabem; e, naquilo que naturalmente conhecem, como
animais irracionais se corrompem. Ai deles! Porque entraram pelo caminho de Caim, e foram
levados pelo engano do prêmio de Balaão, e pereceram na contradição de Coré. Estes são
manchas em vossas festas de caridade, banqueteando-se convosco e apascentando-se a si
mesmos sem temor: são nuvens sem água, levadas pelos ventos de uma para outra parte: são
como árvores murchas, infrutíferas, duas vezes mortas, desarraigadas; Ondas impetuosas do
mar, que escumam as mesmas abominações: estrelas errantes, para os quais está
eternamente reservada a negrura das trevas.” .e 16 “Estes são murmuradores, queixosos da
sua sorte, andando segundo as suas concupiscências, e cuja boca diz coisas mui arrogantes,
admirando as pessoas por causa do interesse.”
Portanto, a sabedoria é necessária, para não perder a calma e
consequentemente o amor e assim, devido a ira, “empurrar” as almas para a
perdição eterna, mas com sabedoria, ganha-las para o Reino de Deus. Tiago
5:20 “Saiba que aquele que fizer converter do erro do seu caminho um pecador salvará da
morte uma alma, e cobrirá uma multidão de pecados.”
4 – Fé. Hebreus 11. 1 a 3 “Ora, a fé é o firme fundamento das coisas que se esperam, e
a prova das coisas que não se vêem. Porque por ela os antigos alcançaram bom testemunho.
Pela fé entendemos que os mundos foram criados pela palavra de Deus; de modo que o
visível não foi feito daquilo que se vê.
Todo trabalho é executado esperando que alcance o resultado projetado.
Também no mundo espiritual, lutamos para alcançar o objetivo firmado pelo
nosso Senhor. Com coragem, regeneração, sabedoria e fé buscamos a
qualidade perfeita na luta diária contra as hostes do inimigo de nossas almas.
Gálatas 5. 17 ”Porque a carne luta contra o Espírito, e o Espírito contra a carne; e estes se
opõem um ao outro, para que não façais o que quereis.”
Efésios 6. 11 e 12 “Revesti-vos de toda a armadura de Deus, para poderdes
permanecer firmes contra as ciladas do Diabo; pois não é contra carne e sangue que temos
que lutar, mas sim contra os principados, contra as potestades, conta os príncipes do mundo
destas trevas, contra as hostes espirituais da iniqüidade nas regiões celestes.”
As recomendações finais do Senhor estão em Mateus 28. 18 a 20 “E,
aproximando-se Jesus, falou-lhes, dizendo: Foi-me dada toda a autoridade
no céu e na terra.
Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em
nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo;
ensinando-os a observar todas as coisas que eu vos tenho mandado; e eis
que eu estou convosco todos os dias, até a consumação dos séculos.”
Não é justo que nos preocupemos em socorrer nossos familiares, amigos,
vizinhos e os que precisam do nosso empenho?
Como a humanidade vai vencer a Doença deste Século?
ESTA UM TUAS MÃOS!